Equipe 6
São Paulo, Paraná e Santa Catarina recebem técnicos do Rally da Safra
28/fev/2020

Regiões visitadas estão com boa expectativa de produtividade na soja; no dia 04 de março, equipe realiza evento técnico em Ponta Grossa (PR)

O Rally da Safra, principal expedição técnica privada sobre a safra de grãos no Brasil, avalia na primeira semana de março lavouras de soja em São Paulo, Paraná e Santa Catarina. Os técnicos da equipe – a 6ª desta temporada — partem de Indaiatuba em direção a Itapeva, no sul de São Paulo, em 2 de março. Eles chegam a Londrina, no Norte do Paraná, em 3 de março. No dia 4, a equipe promove um evento técnico regional em Ponta Grossa, no Bourbon Convention Hotel, com apoio da Sementes Batavo. Dali, o Rally segue para Pato Branco, e encerra a jornada no dia 6 em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina.

No Paraná, a expectativa é encontrar a soja de ciclo tardio em boas condições. Depois de um período mais seco, que prejudicou a parcela da área semeada precocemente, choveu com regularidade no norte do Paraná, assegurando o bom desenvolvimento das lavouras plantadas mais tarde e recuperando o potencial produtivo do estado. A Agroconsult, organizadora do Rally, elevou a projeção de produtividade no Estado de 59,5 para 61 sacas por hectare, conforme levantamento divulgado na primeira semana de fevereiro. Lavouras do sul de São Paulo também apresentaram melhora semelhante.

Em Santa Catarina, o clima desta safra foi mais irregular – choveu em excesso em novembro, o que atrapalhou o plantio, houve períodos um pouco mais prolongados de seca em dezembro e janeiro. Voltou a chover bem no início de fevereiro, mas é preciso que o clima continue regular para sustentar a recuperação das lavouras.

O Rally da Safra vai percorrer mais de 100 mil quilômetros neste ano. A área avaliada pelos técnicos corresponde a 95% da produção de soja e 72% de milho no País. A estimativa pré-Rally para a safra brasileira de soja é que sejam produzidas 126,3 milhões de toneladas – previsão a ser confirmada pelos técnicos em campo.

Equipes em campo

Nesta 17ª edição do Rally serão 11 equipes em campo, das quais oito avaliarão as lavouras de soja até o mês de março. Outras três irão a campo entre maio e junho para verificar as áreas de milho segunda safra. O levantamento acontecerá nos 12 principais estados produtores: Mato Grosso, Paraná, Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Bahia, Maranhão, Piauí e Tocantins.

Além das avaliações em campo, a expedição fará oito eventos regionais e 30 cafés com produtores para debater as condições da safra brasileira.

A Equipe 1 percorreu o Médio-Norte de Mato Grosso entre os dias 14 e 17 de janeiro.

De 27 a 31 de janeiro, a Equipe 2 passou pelo Sudeste de Mato Grosso, Sudoeste de Goiás e Norte de Mato Grosso do Sul.

Os técnicos da Equipe 3 visitaram o sul de Mato Grosso do Sul, o oeste e norte do Paraná entre os dias 03 e 07 de fevereiro.

A equipe 4 retornou ao Mato Grosso, de 11 a 15 de fevereiro, para visitar as regiões Leste, Oeste e Médio-Norte do Estado.

De 16 a 20 de fevereiro, a equipe 5, visitou duas regiões de Minas Gerais , o noroeste e o Triângulo Mineiro, e ainda  o sul de Goiás.

A Equipe 7 começa em Chapecó/SC em 9 de março, quando realiza evento técnico para produtores e profissionais do setor. Depois, os técnicos seguem para o Rio Grande do Sul para avaliar as lavouras de soja nas regiões das Missões, Planalto, Serra e Sul.

A Equipe 8 seguirá para analisar as lavouras de soja no MAPITOBA de 22 a 28 de março. No dia 23, a expedição realiza evento técnico em Luís Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia.

Nesta edição, outras três equipes avaliarão o milho segunda safra entre os dias 18 de maio e 05 de junho no Mato Grosso, Goiás, Mato Grosso do Sul e Paraná.

Organizado pela Agroconsult, o Rally da Safra 2020 tem patrocínio do Banco Santander, FMC, Corteva Agriscience (com as marcas Brevant, Enlist e Cordius), VLI, Firestone (marca pertencente à Bridgestone), Tokio Marine, além de apoio nacional da FIESP, BR Distribuidora e Fundação Agrisus, além da Universidade Federal de Mato Grosso, Universidade Federal de Viçosa e apoio regional das cooperativas Comigo, Coopavel, Cotrijal, Coamo, CooperAlfa, Sementes Batavo, Agrofava, Agrosul e Agrosuporte.

O trabalho das equipes e o roteiro completo da expedição poderão ser acompanhados pelo site www.rallydasafra.com.br, com informações atualizadas diariamente no www.twitter.com/RallydaSafra e www.facebook.com.br/RallydaSafra

TODOS
NOTÍCIAS
DIÁRIO
PATROCINADORES:
APOIADORES: