A ferrugem asiática já foi a doença mais alarmante para os produtores de soja. Foi diagnosticada pela primeira vez no Brasil em 2001 e ocorre em todas as regiões produtoras do país. 

Hoje, as técnicas de controle são mais conhecidas, o que limita seu dano. Mesmo assim é importante ficar atento. 

A ferrugem causa a desfolha precoce da soja e prejudica a formação completa dos grãos. A perda de produtividade pode chegar a 70%. 

ferrugem asiática

Combate à Ferrugem Asiática

As estratégias para combater a doença são:

  • Respeito ao vazio sanitário;
  • Plantio precoce da soja;
  • Uso de fungicidas de forma preventiva.

Cada uma dessas estratégias possui uma razão e importância diferente no combate à ferrugem asiática. O Vazio Sanitário quebra o ciclo de vida do fungo causador da doença. Sendo assim, como o fungo precisa de um hospedeiro vivo para se desenvolver, o vazio sanitário atua reduzindo a sua sobrevivência e atrasa sua ocorrência durante a safra. 

Com a alta variabilidade do fungo, a obtenção de cultivares diferentes é dificultada.  Fora isso, a forma mais eficiente de conter a doença é através do controle químico. Ainda é importante controlar plantas daninhas, uma vez que a ferrugem pode parasitá-las.  

Baixe agora o nosso e-book e saiba tudo sobre a ferrugem asiática. Faça o download aqui

Além disso, acesse nosso site e saiba sobre todas as pragas e doenças da soja e do milho.